-->

quarta-feira, 18 de janeiro de 2012

Passando por Itaparica...



Me levanto, me perfumo, e vou em direção a Rodovia do Sol. Me deparo com um mar de brilho tão encantador...como é lindo quando o sol reflete nele...sentí toda a suavidade daquele brilho. Era diferente...me tocou com poesia! Foi um momento indescritível e que ele só se definiu por ele mesmo: único. Como podem vir tempestades tão ferozes de um lugar como esse, que reflete tantos brilhos e poesias? Tem o sol e a lua pra refletir com diferentes nuances, e o faz como ninguém...o mar.

Um comentário:

Cristiny* disse...

Fico feliz por te ver tão leve...
Beijos linda, saudades de ti
;D
E me maaaaaaate de inveja viu kkkkk